Breve comentário sobre o livro de Êxodo.

Ao longo do estudo deste livro, é possível compreender melhor sobre o plano de Redenção de Deus para humanidade, levantando um povo chamado Israel e retirando-os do meio do cativeiro egípcio.
O livro do Êxodo faz o relato da saída do povo do Egito, o mover poderoso de Deus durante o período que o antecedeu e o reconhecimento de Deus como um Ser pessoal e relacional.
A sua autoria é questionada por alguns teólogos sobre se de fato podia ser ou não de Moisés, já que as nomenclaturas usadas para se referir a Deus foram variadas, no entanto ao passo que o livro vai sendo estudado percebemos que Deus direciona-se diretamente a pessoa de Moisés para que este escrevesse em um livro tudo que lhe seria ordenado, o que nos leva à conclusão que a autoria pode ser atribuída de fato a ele.
Não existem relatos dos acontecimentos descritos no livro de Êxodo em outros livros históricos, mas este fato é perfeitamente admissível logo que não haveria nenhuma vantagem para os egípcios fazerem qualquer referência ao poderio do Deus de Israel em seus registros históricos. Porém a sua veracidade pode ser considerada, assim como todo o antigo testamento, pois o próprio Jesus confirmou.
O maior desafio para os líderes cristãos da atualidade é não somente sobre o livro do Êxodo, mas sobre todo o velho testamento. É o entendimento de que todo o conteúdo do Antigo Testamento e do Novo Testamento não dizem respeito à livros diferentes ou que o antigo é direcionado a Israel e o novo direcionado a igreja. Mas precisamos compreender que o tema central de toda a Bíblia é a pessoa de Jesus aonde vemos no livro de Êxodo ele sendo representado pelos sacrifícios realizados no Tabernáculo, no formato que este representava, nos seus utensílios e até mesmo na organização e disposição das tribos em volta dele. Enfim, aquele povo mesmo antes da vinda de Jesus, através da interação com a habitação móvel de Deus no deserto, não somente podiam presenciar a pessoa de Deus na Sua Shekinah, mas também eram convidados a experimentar verdades espirituais a cerca da pessoa de Jesus Cristo e do futuro sacrifício perfeito que Ele representaria.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *